Donna Rica
Descrição do projeto

Legibilidade, flexibilidade e setorização foram os principais conceitos utilizados no desenvolvimento deste padrão de franquias. As lojas existentes não só não possuíam uma linguagem visual clara, mas os produtos eram expostos de forma desorganizada, portanto o objetivo principal era possibilitar a apresentação de um grande número de produtos de forma legível e acessível aos clientes.

O padrão de acabamentos foi simplificado ao máximo de forma a garantir a adaptabilidade a qualquer tipo de imóvel, com baixo custo e propiciando um ambiente neutro para a colocação dos elementos de marcenaria. Esta por sua vez foi projetada como um sistema modular, que não só se ajusta a diversos layouts e tipos de edificação, mas também permite composições variadas entre os tipos de painéis e expositores.

Os painéis de parede foram criados a partir do conceito tradicional de painel canaletado, comumente utilizado em lojas de bijuteria, mas sua modulação e disposição no ambiente com respiros visuais, em geral obtidos com o uso de espelhos, permite que se setorize os tipos de produto. Os painéis permitem a utilização não só de ganchos padronizados, mas também de nichos e prateleiras, projetados especificamente para as necessidades da marca, que, por serem móveis, permitem a alternância entre os itens de destaque, adaptando-se à sazonalidade dos produtos da loja. Os expositores laterais e centrais possuem nichos que organizam produtos menores e ainda permitem a armazenagem de um pequeno estoque nas gavetas inferiores e os balcões possuem um design que isola a parte do caixa, garantido a segurança e criando uma área de apoio aos funcionários.

O projeto permite que os vendedores tenham controle visual da loja mas também convida o cliente a entrar e conhecer os produtos, proporcionando uma ambientação agradável e legível.